As 13 Constelações Zodiacais


A cultura ocidental divide a esfera celeste em 88 áreas, de vários tamanhos, chamadas constelações.


Cada uma delas possui um limite extremamente preciso que foi definido oficialmente pela União Astronômica Internacional, em 1930.


Essas constelações se tornaram a forma padrão de descrever o céu, substituindo no uso diário, conjuntos semelhantes em outras culturas e formas de ver o céu.


A cultura do céu ocidental é utilizada pelos astrônomos modernos, e tem raízes históricas na astronomia grega antiga, com algumas influências da astronomia islâmica.


Zodíaco é uma palavra que provém do grego “zodiakós” que significa pequeno animal, é tecnicamente definida como a região do céu que se estende por 8,5º acima e abaixo da eclíptica.


Uma etimologia mais detalhada da palavra zodíaco, remete ao grego "ζῳδιακός" (zōidiakos), que significa o "círculo de animais".


Já, o termo latino "zōdiacus" também deriva do grego, e o termo grego provém da palavra "ζῴδιον" (zōdion), que é o diminutivo de "ζῷον" (zon), ou animal.